Vivências em torno do ‘artista etc.’

Nos dias 14 e 15 de janeiro serão realizados debates em torno das questões que envolvem a proposição e desenvolvimento da categoria de artista-etc, formulada em 2003 como maneira de pensar a prática do artista “para além da mera produção de obras de arte”.

Emenda:

É importante compreender o artista contemporâneo como agente em contato com o presente, com interesse em desenvolver modos e métodos de intervir no processo do mundo e ali instaurar dinâmicas de ativação sensorial, em duplo funcionamento: ao mesmo tempo em que coloca em deriva a atualidade, produz ações com efeitos sobre si mesmo e sobre o outro (sujeitos individuais e coletivos) – estes, também mobilizados em estados de fabricação de si. Se o campo da arte ainda pode produzir algo que vale à pena, no século XXI, seria nessa direção – apontado para a intensidade do gesto poético-político enquanto processo de fabricação coletiva.

A discussão será organizada a partir dos seguintes tópicos:
– o artista como agenciador, como curador e como crítico
– circuito ou sistema de arte
– camadas de crítica institucional
– a construção de si como artista
– sujeito x obra de arte: mediações sem fim x encontros imediatos
– participação não-participativa
– vanguarda e experimentalismos
– arte conceitual, conceitualismo e bioconceitualismo

A inscrição é realizada mediante comprovante de pagamento, enviado para o email: suelyfarhi@gmail.com. Investimento: R$200,00. Depósito: Banco Itaú Ag 9281 cc 03424-0 Suely Farhi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *