Mil histórias e duas rotas no CCJF

Ivair Reinaldim assina a curadoria da mostra “Mil histórias, duas rotas”, de Bet Katona e Roberta Cani, que será inaugurada nesta terça-feira, 14 de novembro, no CCJF – Centro Cultural Justiça Federal. A mostra reúne cerca de 34 pinturas, entre acrílica sobre tela e óleo sobre tela, apresentando um recorte das trajetórias das artistas.

A ideia da exposição surgiu durante um grupo de estudos orientado por Ivair, que aconteceu entre 2013 e 2015. Durante encontros, em sua maioria na antiga fábrica da Bhering, Bet e Roberta perceberam a proximidade de seus trabalhos, com foco na paisagem urbana, o que despertou o interesse em expor conjuntamente.

“Mil histórias, duas rotas evidencia um recorte da produção das duas artistas, ao apontar para caminhos individuais que por vezes se cruzam, desenvolvem-se em paralelo ou mesmo se afastam, constituindo uma narrativa em aberto”, explica o curador em seu texto crítico.

“Bet Katona seleciona imagens fotográficas de espaços internos e externos, privilegiando nesta exposição as cenas urbanas. Em seguida produz uma síntese, de modo a salientar certos elementos da imagem original, traduzindo-as para a linguagem da pintura. Roberta Cani possui predileção por imagens provenientes do cinema. Desses filmes, extrai cenas e as reinterpreta pictoricamente, produzindo modificações de modo a criar uma atmosfera específica. Embora também haja a forte presença de espaços internos e externos nesse recorte de pinturas, em grande parte de seus trabalhos destaca-se a presença da figura humana, reforçando um estado psicológico”.

A exposição vai até o dia 14 de janeiro de 2018. O Centro Cultural da Justiça Federal fica na Av. Rio Branco 241 – Centro. Funcionamento: de terça a domingo,das 12h às 19h. Entrada gratuita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *